Arquivos do Blog

Super Sagas e Reboots parte 1

Olá Pessoal!

Cá estou eu novamente para falar de quadrinhos! Não sou especialista no assunto, temos nossos dois especialistas aqui no Blog para falar de HQs, mas estou falando aqui como humilde fã do gênero, uma voz que as empresas do ramo deveriam estar ouvindo mais ultimamente. Atualmente o mercado (americano mas que rege o restante) anda passando por uma “crise” segundo os empresários. Ao que parece as novas mídias andam roubando o público do pessoal do cuecão por cima da calça. Com isso as empresas, afinal são empresas e precisam de lucros, estão apostando suas fichas em super sagas que envolvem todo o universo (Marvel) e em Reboots que resetam todo o universo (DC). Mas sérá esse o caminho certo para salvar a nona arte?

Eu como fã do gênero desde moleque conheci tempos de altos e baixos dos quadrinhos. Mas os grandes momentos eram bem diferentes do que estamos vendo hoje. Vamos começar falando da Marvel e suas Super Sagas.  Desde Guerra Civil, a casa das idéias percebeu que era lucrativo juntar todos os heróis disponíveis e coloco-los para saírem na porrada em grandes e coloridas sagas que envolvem todo mundo. desde então TODOS os anos estão saindo super sagas atrás de super sagas envolvendo todo o universo e provocando “consequências que vão mudar para sempre o universo Marvel”. Porém isso esta empobrecendo o universo. Guerra Civil tinha uma história bacana, combates eletrizantes, questionamentos éticos filosóficos e ainda desenhos de altíssima qualidade. Realmente provocou mudanças no universo com a revelação da identidade do Homem Aranha, e a morte do Capitão América. Porém essas profundas consequências não duraram, nada! O Capitão foi substituido, o aranha “voltou no tempo” e nunca revelou sua identidade. Ué pera ai!? eu paguei pelas mudanças como assim!? Sem contar que o Capitão original ressucitou no ano seguinte. Nada tão drástico já que ninguém morre de verdade nos quadrinhos.

Essa sim foi uma boa super saga

Momento emblemático da saga, que se revelou completamente inútil depois....

Em seguida a Marvel trouxe a O Mundo Contra Hulk, uma saga não tão ruim mas sem comparação com a original, depois veio Invasão Secreta, Com roteiro confuso, desenhos péssimos e desfecho horrendo, criado apenas para não perder o verão americano. Em Seguida tivemos a Looooonga Reinado Sombrio com os vilões dominando o universo, em seguida veio o Cerco, que fechou esta saga. Agora tivemos Fear it Self (Sem nome em português ainda) e já estão preparando para o ano que vem mais uma saga com “consequências que mudaram para sempre o universo Marvel”. Isso anda empobrecendo os heróis da editora e as próprias super sagas. A graça das super sagas é chegarem fazerem o reboliço e depois os heróis passarem  um bom tempo convivendo com isso. Era assim que era antigamente. Uma super saga era algo raro, um mega evento com revistas de material melhor e desenhistas especialmente convidados. Agora viraram fast food de verão americano. Não da tempo de você digerir as consequências pois logo ta todo mundo ocupado de novo enfrentando uma nova ameaça.

Invasão Secreta...

... Reinado Sombrio...

... e ufa! Fear It Self. Pera ai tem mais!?

O que Guerra Civil provocou foi fantástico mas totalmente apagado pela péssima Invasão Secreta com explicações escrotas que não eram necessárias. Os grandes eventos perdem o valor pois você sabe que daqui a pouco terá outro e depois outro e depois outro. AS tais grandes consequências não são bem resolvidas, não dá tempo de você saber como a vida dos heróis fica depois de um evento de tal magnitude. O pior é o momento entre as super sagas. Quando deveriam haver histórias individuais melhores, na verdade só vemos uma preparação para a próxima super saga. Não tem um aprofundamento nos personagens, não conhecemos mais o lobo solitários Wolverine, ou a complexidade do Homem-Aranha, tempos apenas personagens que ajudam a juntar mais leitores e a aumentar o número de heróis por quadrinho. Todo mundo fica ali misturado e há personagens que muitos não conhecem os poderes direito.

Secret Invasion: Essa realmente deve ter sido criada pelos Skulls!

A Marvel anda optando por massificar as coisas quando o que realmente atraiu o publico nos quadrinhos dela era aproximação do indivíduo. AS pessoas gostavam de ver o aranha convivendo com problemas humanos, e ainda tendo o peso de ser um super-herói. O charme sempre foi aproximar os leitores da realidade fantástica de seus heróis, pois eles eram cegos, cientistas, fotógrafos, e com isso eles poderiam se ver naquelas histórias  seu mundo representado  de forma mais interessante. Mas isso parece que não tem mais espaço. A Marvel assumiu o estilo BlockBuster em suas histórias nos quadrinhos e ainda não percebeu que as maiores obras do gênero sempre foram as autoriais, curtas e que aprofundavam em um personagem.

Até quando isso vai durar?

A seguir a segunda parte do post falando do Reboot da DC!

P.S. Eu não vi nem metade da qualidade de Guerra Civil em nenhuma super saga seguinte

P.S. Sinto falta de sagas individuais boas, e que realmente valiam a pena ler

P.S. Quem começou a ler histórias em quadrinhos recentemente não faz a menor idéia da origem dos heróis, esta maluco com tantos uniformes coloridos ao mesmo tempo.

Que venha a luz!

Olá pessoal

Cá estou eu novamente para falar das minhas expectativas sobre o filme do Lanterna verde! Claro que por enquanto não dá para dizer se o filme é bom ou ruim mas já dá para se ter uma idéia do que virá. Primeiro vamos ao último trailer lançado:

Bom atualmente meu herói preferido tem sido o Lanterna Verde. Não o herói em si mas a tropa dos lanternas pois estou lendo O Dia mais Claro, saga atual da DC e por isso estou todo empolgado com o trabalho foda que Geoff Johns tem feito com o gladiador esmeralda. Mas o que esperar do filme?

cartaz oficial!

Bem a Warner finalmente entendeu que filmes de super-heróis tem de ser levados a sério. Foi preciso que a Marvel lançasse uma sequência de sucessos bem orçados e bem feitos para que a empresa dona do Superman e Perna-longa entendesse que era possível sim ganhar dinheiro com gente de cola e olha! Ela tinha sua própria empresa disso, a DC. Com isso ela correu e lançou seus próprios sucessos como Batman o Cavaleiro das Trevas e  Wacthmen, mas ela sabia que queria mais. Com isso agendou uma série de adaptações e agora luta contra o tempo para emplacar os supers já que ano que vem não terá Harry Potter para garantir os milhões de bilheteria blockbuster.

Com isso e um pouco de bom senso talvez tenhamos finalmente os heróis mais clássicos dos quadrinhos melhor representados nas telonas afinal todos queremos esquecer certos fiascos (Mulher-gato eu nem vi, mas ainda tenho pesadelos com O Retorno do Superman…). E claro por que não ver o quintal do vizinho para saber qual adubo ele usa na árvore de dinheiro?

Para tanto a DC viu em Homem De Ferro que  heriós conhecidos apenas dos nerds sem vida social podem ser sucessos de bilheteria. Basta terem uma história bacana, humor sem exagerar e bons efeitos. E ela então preparou seu próprio sucesso Lanterna verde. Com Hal Jordan e sua personalidade boêmia, piadinhas inteligentes e uma rica história de plano de fundo o protetor do setor 2814 era perfeito para este recomeço. Para isso chamaram o fazedor de dinheiro atual das revistas que desbancou a Marvel e seus crossovers intermináveis, Geoff Jonhs para ajudar no roteiro e resolveu começar algo do início.

O que esperar afinal de contas !? Pelo que vi dos trailers, e isso me assusta pois estou muito empolgado e posso me decepcionar, este parece que será o melhor filme de supers do ano! Com o Thor fraco e comercial demais, e um Capitão américa que parece ir pelo mesmo caminho Lanterna Verde tem tudo que fizeram dos recentes lançamentos de capas e cuecas por ciam da capa sucessos de bilheteria. Contando a história de Hal Jordan desde o início, o filme pretende apresentar aos novatos este super herói, com um ator que se encaixou muito bem no papel, Ryan Reynolds. Assim como Robert Downey Jr. me fez acreditar em IronMan quando lançou e eu disse isso no blog, acredito que ele irá ser um ótimo Hal Jordan, descontraído mulherengo.

Além disso os fãs não foram esquecidos sendo que as referências as revistas são muitas como por exemplo, TODOS, eu disse TODOS, os Lanternas que aparecem serem membros que existem da tropa nos quadrinhos. Isso mostra um carinho e atenção para a produção sem fugir muito. Além disso Sinestro começa não como o arquivilão, assim como o Batman, mas como o mentor para que os novos fãs entendam a gravidade de sua traição. Claro que posso estar errado, mas acho que no mais apenas uma ou outra ideia imbecil me mate de raiva.

Mais da tropa

No mais acredito nesse filme e no potencial da produção. Espero que o grande público pelo mesmo goste para vermos mais Lanternas nas telonas em um futuro próximo.

P.S., Eu já decorei o lema dos lanternas em inglês falta em português

P.S. Quero aprender TODOS os juramentos de TODAS as tropas…. Seria isso uma loucura?

P.S. Gostei do uniforme apesar de tudo ficou bem alienígena

Raios, Raios e trovões!

Ligtsaber

Olá Amigos!. Voltamos a postar após um longo e tenebroso inverno! Agora vamos ao que interessa. Sei que já é noticia velha que o filme já esta a semanas em cartaz e etc. Mas como só vi ele ontem tenho que dividir minha opinião sobre ele!

Thor!

Eu não estava empolgado em ver o deus do trovão nas telonas. Os trailers não me animaram e eu confesso que só fui ver o filme por causa da Natalie Portman e da Kat Dennings. Talvez por isso o filme me pareceu tão bom. E claro se fosse ruim tinha Natalie Portman e Kat Dennings como nerds que entendem de física quântica! E isso não quer dizer que o filme seja bom. ele só não é tão ruim..

Antes de qualquer coisa um pouco de mitologia e origem do herói Marvel. Na mitologia nórdica Thor é o deus da guerra e do Trovão, filho de Odin, deus dos deuses, que é famoso por suas histórias de bravuras e pelo seu comportamento típico de viking. Com seu martelo mágico Mijolnir e sua biga puxada por bodes ele viajava pelo mundo enfrentando gigantes, monstros e demonios. Muitas vezes acompanhado pelo irmão adotivo Loki, o deus da trapaça, que não é necessariamente mal mas também não era bonzinho e sua lingua ferina os ajudou, e atrapalhou em diversas ocasiões.

Na mitologia Thor é ruivo e mais nervoso

Na Marvel Thor é o filho de Odin e é expulso de Asgard, a morada dos deuses, por seu comportamento impulsivo e descontrolado. Ele é enviado À Terra para ter uma lição de humildade. aqui ele encarna o médico manco Donald Blake e por isso  aprende a cuidar dos seres humanos e zelar por eles. Aqui ele se apaixona pela enfermeira Jane Foster com quem teve um romance que hoje em dia não é mais lembrado. Durante uma invasão alienígena (!) Donald encontra seu martelo em uma caverna e ao empunha-lo se torna o poderoso Thor onde enfrenta os aliens e passa a ajudar os fracos e oprimidos. Loki é o arquivilão de Thor nos quadrinhos e busca o controle da terra dos deuses e por isso arma várias emboscadas para o deus do trovão e seus companheiros humanos. Tudo entendido? Ok então vamos ao filme.

Na Marvel Thor anda escanhoado ultimamente

Primeiro vamos falar dos pontos positivos. Achei o filme bom no todo, tem um ritmo bom, embora seja meio fraco quando passa a ser na Terra, história simples e cativante, um pouco infantil talvez, sem muita enrolação, mas faltou alguns pontos que falarei depois. Apesar dos ângulos de câmeras diagonais o visual do filme estava muito bom para a adaptação dos quadrinhos de Thor. Os deuses ficaram bem menos espalhafatosos que na revista o que me agradou embora não tenha gostado do Loki… Anthony Hopkins interpretando Odin foi muito legal.

Odin!

O filme adaptou duas versões da origem do herói nos quadrinhos, a clássica em que ele vem a Terra e se torna o médico Donald Blake e se apaixona pela enfermeira Jane Foster e a versão do universo Ultimate da Marvel onde o personagem é considerado um mendigo louco que diz ser filho de Odin. Porém há mudanças claras, dentre elas Jane Foster é uma cientista e Thor é mandado à Terra porém com sua lembrança de ser um deus. Com isso temos algumas piadinhas como ele se comportar como um viking à mesa, unico momento onde ele parece um viking, e não conhecer nosso mundo. Christopher Hemsworth tem cara de Thor de sex shop mas até age como tal no início. Mas acredito que na caracterização faltou um pouco daquele linguajar shaksperiano das revistas. Os efeitos ficaram muito legais, a armadura Destruidor ficou muito bacana e os gigantes de Gelo realmente me convenceram. As poucas (sim poucas) cenas de ação são muito bacanas. Só a batalha final que deixou um pouco a desejar…

O grande trunfo do filme está na forma como a história é conduzida para o filme dos Vingadores. Com isso a ciência e a magia inerentes ao universo de Thor são bem casadas no filme sem soarem distoantes entre si. a participação da Shield é fantastica principalmente a do  SPOILER ALERT! Gavião Arqueiro. Aliás se teve um momento no filme que me empolguei foi na sua aparição, que também esta ao estilo ultimate Marvel. Mas esses momentos corelacionados sãos os melhores da terra onde o filme perde um pouco o gingado.

Agora vamos aos problemas.

Faltou quatro coisas que deixariam o filme praticamente perfeito para uma adaptação. Mais relâmpagos, mais capacete, mais humildade e Balder. Durante todas as cenas de ação você fica lá esperando Thor descarregar rajadas de eletricidade divina para todo o lado e… nada. Acho que contei três ataques com trovão em todo o filme, tudo bem que foram os golpes finais, estilo super combo de videogame mas faltou. O cara é o deus do trovão poxa! Não entendi porque tiraram o capacete do Thor. Sei que ele não usa elmo nos Supremos mas no filme ele tinha o capacete e então por que não ficou com ele. Você vai enfrentar um exército de gigantes de gelo e vai com a cabeça desprotegida para facilitar o trabalho deles?
Mas tudo isso passaria batido se não fosse dois problemas. A lição de humildade que o filme se propõe é rasa e pouco convincente. Há elementos que se você prestar a atenção são lições de humildade como ele naõ conseguir pegar o martelo inicialmente ou o tratamento que ele recebe de Jane Foster e as conversas com os humanos. Mas isso não convence. Ele teria de ter mais momentos de humildade com seu corpo mortal e suas limitações. Isso ficou pouco explicativo no filme e meio a toque de caixa.

Outro problema do filme é a ausência de  Balder. Onde estava o irmão mais novo de Thor? Nos quadrinhos ele é o melhor amigo de Thor, já foi soberano de Asgard, esta lá sempre dando uma forcinha e sequer é citado no filme. Os Três guerreiros nem tem tanto destaque assim. Mas poderiam estar la se Balder também estivesse.

Enfim tirando esses pequenos deslizes o filme é bom. Claro que os fãs mais xiitas vão reclamar de outros pontos mas no todo o filme é bom. Mas caso você ainda ache que o filme é ruim veja a imagem a abixo e saiba que Thor nos cinemas já foi muito pior….

P.S. A cena pós créditos já da uma dica da trama do filme dos Vingadores.

P.S. As armaduras dos deuses ficaram até bacaninhas mas me lembraram Power Rangers…

P.S.  a participação especial de Stan Lee é como sempre impagável.

P.S. é bom voltar a escrever P.Ss :)

VS Game!!! Miss Marvel Vs Mulher-Maravilha

Por LightSaber ” Vinícius

Olá pessoal!!!

Depois do sucesso do VS Game Hulk vs Superman, que gerou uma verdadeira discussão no blog. Voltei depois de meses parado a fazer a sessão VS Game e dessa vez para uma briga de garotas, que não seria nada mal em uma piscina cheia de gel : Miss Marvel contra Mulher-Maravilha!!!!

Escolhi as das pois são as heroínas pesos pesados das maiores super-equipes de seus mundos, a Liga da Justiça e Vingadores. Além de terem poderes parecidos que dariam uma boa briga. Como eu já havia cansado de dizer em outros posts, a batalha entre Mulher-Maravilha e Tempestade na série DC vs Marvel não fez muito sentido já que a deusa do clima derrotaria a amazona facilmente se não desse chance para ela se mexer. Como aconteceu. Mas como aquela série inteira não fez muito sentido….Bom não sei se este embate rolou na série Vingadores LJA mas resolvi traze-lo aqui de forma sucinta.

Vamos às combatentes:

Miss Marvel: Carol Danvers era agente da CIA que vivia entre os super-poderosos da Marvel como Wolverine e Nick Fury e depois de sofrer um acidente  com a tecnologia Kree se tornou a poderosa heroína. Dentre seus poderes incluem, força, voo, resistência e disparar rajadas de energia. Conhecimento de anos de batalha, treinamento de agente secreta, lutou ao lado de Homem-de-Ferro, Capitão America, Nick Fury,. chegou a comandar os Vingadores.

ela já mandou nos Vingadores

Mulher Maravilha: Diana teve umas várias origens diferentes, uma mais recente diz que ela é filha de Hades… Mas enfim, semi deusa ou não a amazona é a maior heroína dos quadrinhos considerada junto com Batman,e Superman a “santíssima” trindade dos gibis. Ela tem grande conhecimento de combate afinal foi treinada nisso a vida inteira. tem força, resistência, voa, tem uma série de itens mágicos como a tiara, os braceletes que refletem qualquer coisa, o laço da verdade que faz os inimigos caguetarem qualquer coisa, além de ser muito útil em batalha. Sem contar o jato invisível embora eu nunca tenha achado graça nele…

ela é A heroína

Fight!

Vamos ao combate. Acredito que seria uma batalha aérea. As duas heroínas iriam voar bastante.  Miss Marvel iria explorar as rajadas de energia. Mulher-maravilha por sua vez defenderia os golpes com seus braceletes e em seguida tentaria usar o laço pra encurtar distancias e usar para arremeçar a loira da Casa das idéias. quando o bicho pegasse de perto seria uma batalha de titans com muito mais que puxões de cabelo e arranhões.

  

seria uma briga boa...

Mais uma vez eu vou evitar falar quem ganha para manter a discussão acesa. Mas seria uma batalha melhor que em outros possíveis embates entre heroínas.

P.S. Seria interessante a idéia do gel…

P.S. A Super moça também daria um bom combate com a Miss Marvel mas resolvi a Mulher-Maravilha pois ela tem mais importancia para a editora assim como a loira.

P.S. gostaria que este post tivesse tanto sucesso quanto Hulk vs Superman embora parece que as pessoas procurem muito mais o verdão que qualquer coisa no Google…

Injusto!!!

Por Lightsaber “Vinícius”

olá pessoal!!

Por sugestão de um de nossos leitores assiduos (sim temos leitores assiduos!) o Diogo, vou falar sobre injustiças cometidas no mundo dos Super herois e sobre poderes mau usados.

Bom alguns heróis são descritos com N poderes, grandes habilidades e aptidões físicas, mas quando vão para resolver os problemas não usam nem metade das habilidades descritas em seus “portfólios”. Com as constantes varições de roteiristas os poderes dos heróis sas HQs sofrem mutações que deixam os fãs indignados, confusos e revoltados.

Um exemplo disso é Thor, o deus doTrovão. Descrito na revista como a encarnação do deus nordigo do trovão Thor deveria ser um arrasa-quarteirões apelão e desmedido. Mas ele não é. Já levou N surras de um monte de gnete, todo mundo rouba seu martelo, e por ai vai. Mas isso não deveria acontecer.

Thor o injustiçado Marvel

Primeiro, Thor, é um deus! ou seja ele possui uma série de habilidades sobre humanas, como fosrça, resitencia, sentidos aguçados e outras coisinhas. Além é claro de ser praticamente imortal. Seu martelo é uma das mais poderosas armas mágicas dos deuses nordigos e por isos apenas o próprio deus deveria empunha-la, ou pessoas de coração puro. ele é capaz de invocar tempestades, da proporção que ele quiser, relampagos que nunca erram o alvo, afinal são místicos, dentre outras habilidades climáticas.

Mjolnir deveria ser algo apelativo mas...

Porém a maioria dos roteiristas se esquece disso.  Ele então tem o martelo roubado por vilões, leva surra de gente que deveria ser bem mais fraca, pega rabo com certos vilões da Marvel. Enfim o poder dele é totalmente ignorado pela constante troca de roteiristas que nem sabem a origem do persongaem e querem apenas contar uma historia. Isso cria uma confusão na cabeça dos leitores que nunca sabem o poder dos personagens, que só aparece realmente quando é conveniente…

o deus do Trovão levando mais uma surra sem sentido...

Outro injustiçado das HQs é (um dos meus preferidos, apesar do uniforme… ) Capitão Marvel, ou como anda sendo chamado Shazam. Na história original o personagem deveria ter os seguintes poderes:

O poder de Zeus, ou seja disparar relampagos, e outras habilidades fodasticas de comando e estratégia que só o deus supremo do olímpo deveria ter (só ai ja incluem como disse forças, agilidades entre outros),[ATUALIZADO] além destes poderes ele é um deus supremo e pode controlar a matéria, tem um pouquinho do pai Cronos em relação ao controle do tempo e da vida da vóvó Gaia. Imaginem isso no compo de batalha….

A sabedoria de Salomão, isso quer dizer que eeld evaria ter um raciocínio rápido para questões lógicas, o que o daria uma inteligencia, tão boa ou até melhor que do Batman, isso seria de suma importancia para batalhas, some a isso a estratégia provinda de Zeus…,

ele é inteligente igual o Batman...

A força de Hércules, isso quer dizer que ele tem a força de um deus que tem a força maior que a dos outros, quer dizer que ele tem a força do Superman, talvez maior,

O vigor de Atlas, pra quem não sabe Atlas é o titã que segura a Terra nas costas pela eternidade, ou seja ele não se cança, NUNCA, imaginem ter este vigor, ser incansável!?

A invulnerabilidade de Aquiles, Aquiles era o supra sumo do invulnerável, comoele foi banhado no Estíges, o rio do mundo dos mortos, nada, nem os deuses podiam acerta-lo, exeto pelo calcanhar claro. Agora Shazam não tem o problema do calcanhar, ou seja ele também tinha uma certa invulnerabiulidade à magia, coisa que nem o Super tem.

...e forte e invulnerável igual o Superman!

A velocidade de Mercúrio, o deus mensageiro deveria ser muito rápido, afinal devia entregar as mensagens de Zeus e sua turma em tempos de guerras com titãs e outras coisas. Logo ele é mais rápido que o Flash, logo Shazam é mais rápido que o Flash.

SHAZAAAAM!!!

Como podem ver levnado ao pé da letra o poder de Capitão Marvel nosso amigo seria um dos mais poderosos seres do Universo DC. Uma verdadeira maquina d ematar e não iria perder para Thor na batalha das duas editoras pois ia deitar o deus do trovão rapidamente já que ele tem a força de dois deuses, é incansável, super rápido e inteligente e invulnerável até mesmo a magia…

Bom estes dois personagens servem de exemplo para o ponto deste artigo que é: os roteiristas não sabem aproveitar bem personagens. como muitos devem acha-los poderosos demais, outros nem sabem quais os poderes cada um os vê de alguma forma. Isso desbalanceia o que realmente foi proposto pelos criadores originais. Isso sem contar nas apelidadas de ‘Marvelices” (referencia a Casa das Ideias pois isso ocorre commuito mais frequencia lá) onde os personagens ganham e perdem poderes de uma saga para outra ou porque muda-se os roteiristas ou porque ocar asimplesmente ignora tais fatos.

Fico triste  com essas copisas pois mesmocom alto níveis de poderes podemos ter histórias épicas, mas muitos roteiristas nem sabem medir tais poderes. Uma pena

Bom fico por aqui comentem a vontade pessoal

P.S. Imaginem se os poderes destes personagens tivessem sido realmente levados em conta, como a luta seria impressionante.

P.S. Dizem que em poucas vezes Shazam limpouo o chão com o Super, o que deveria acontecer com muito mais frequencia…

"sou como vc e melhor, não me canso! yes!"

P.S. A história de Thor é legal gente.. espero que o filme seja bom também… espero

PS. disseram que o Shazam ganharia um filme, mas isso anda sendo muito mais especulação.

P.S. se Esqueci algo ou me equivoquei por favor comentem

Adoraria, que houvesse um bom DC VS Marvel

Olá Pessoal

Conforme prometido no post anterior vou falar sobre os crossovers DC VS Marvel e de como eu gostaria que eles fossem.

Pois é quando eu descobri que seria lançado uma mini série de quadrinhos do confronto eu realmente fiquei estasiado, tinha uns nove anos na época e pra mim não havia maior evento nos quadrinhos nos ultimso anos, com exeção da Morte do Super-Homem (meu irmão acordou cedo e foi para a porta da banca de revistas esperar abrir para comprar as revista por quase uma semana). Eu essperava combates insanos entre heróis e vilões, um roteiro envolvente e um desfecho incrivel. Queria ver o pau comer , mas com um bom motivo para isso acontecer.

Enfim o primeiro numero chegou eu corri para ler. Logo na capa já era adiantado os principais confrontos, algusn não entendo até hoje qual o motivo. Mulher-Maravilha contra Tempestade? Super Boy contra Homem Aranha (se bem que num tinha muita gente pra brigar com o aranha mesmo…)? . Quando comecei a ler eu fiquei realmente frustrado. muito frustrado.

http://www.lobobrasil.com.br/gibis/brasil_outras/dcversusmarvel_1.jpg http://images3.wikia.nocookie.net/marveldatabase/images/thumb/c/c4/Marvel_Versus_DC_2.jpg/300px-Marvel_Versus_DC_2.jpg

http://images1.wikia.nocookie.net/marveldatabase/images/thumb/2/28/Marvel_Versus_DC_3.jpg/300px-Marvel_Versus_DC_3.jpg http://images3.wikia.nocookie.net/marvel_dc/images/thumb/3/3a/DC_Versus_Marvel_4.jpg/300px-DC_Versus_Marvel_4.jpg

Os roteristas arrumaram uma explicação picareta para a fusão dos universo, depois uma pior ainda para o motivo das batalhas, e no ultimo numero fundiramos dois universos por algum motivo bizarro fazendo uma brincadeira do tipo, e se o superman fundisse com o capitão américa? Ridículo. Fiquei p da vida com o resultado. Quando terminei de ler a ultiam revista me perguntei como eles tinham coragem? Os combates foram curtíssimos e algumas vitórias foram muito meia boca.

http://www.homemnerd.com/Noticias/sak_dc_vs_marvel.jpg

Foi um caça-niquel sem precedentes na história dos quadrinhos, me parece que houve duas outras séries de crossovers depois mas eu nem me interessei em ler pois estava muito nervoso com a primeira. Esta não foi a primeira vez, nem a ultima que as duas editoras se econtraram. a muitos anos atrás foi lançada uma revista em que Supre-man e Homem-Aranha se encontravam e saiam no tapa. Mais tarde foi lançado um interessante crossover das duas super equipes adolescentes Titans VS X-men. Pouco antes do tal crossover das duas impresas foi realizado um encontro entre Lanterna Verde (na época aquele desenhista que não me recordo o nome e não farei o menor esforço pra recordar pois não gosto dele) e Surfista prateado que foi uma prévia do embate das editoras. Eu tenho esta revista e confesso que nunca li ela…

http://goodcomics.comicbookresources.com/wp-content/uploads/2006/08/2370_4_1.jpg http://www.geocities.com/marvel80s/images/xmen_titans_c01.jpg

A pouco tempo atrás foi realizado o encontro das duas super equipes da editora, Vingadores e Liga da Justiça. Dessa minisérie eu realmente não esperava muito pois ao contrário da Liga, os vingadores não são formados pelos maiores herois da editora. Mas enfim rolou e eu não li (num tinha grana…) por isso não vou criticar.

http://i238.photobucket.com/albums/ff15/rikunacc/Digitalizar0001-1.jpg

Enfim devido a essa frustração eu resolvi falar sobre como acho que deveria ser um encontro da Marvel com a DC.Pra começar Seria um max event envolvendo várias revistas. Várias revistas contando a história, abrindo várias questões como por exemplo, por que os universos se fundiram e quem está por trás disso? É lógcio que uma conbinação de vilões, talvez Darkside e Tahnos, seria a responsável pelo crossover. Neste caso seria como uma Gerra Civil, haveria uam revista só para os acontecimentos de grande relevancia, e outras onde acontecimentos corriqueiros, (ou não já que essas histórias poderiam ser aproveitadas como ganchos ou dicas de quem esta por trás de tudo).

Por exemplo, na saga normal mostrava encontros épicos como Hulk contra Liga da Justiça, Superman e Capitão América, Vingadores e Liga , e por ai vai. Nas outras revistas poderia acontecer brincadeiras com o crossover, como Batman enfrentando Dr. Destino, ou dois vilões como Lex Luthor e Duende Verde tendo de unir forças depois de se enfrentarem prar enfrentar algum herói. A cada numero a história e revelando novas e pistas sobre quem uniu os dois mundos os reais objetivos e coisas do genero. Na ultima revista uma grande surpresa revelava o que estava havendo e os herois teriam de se unir para salvar os dois universos.

Tambem poderia ser feita uma animação para a TV. O universo DC apresentado poderia ser o daquele desenho da Liga da Justiça partindo de onde o desenho parou. O pessoal da marvel poderia ser um pouco dos classicos misturados com o pessoal do universo ultimate. No caso seria como uma serie de animação normal com episódios com os personagens principais ou não fazendo coisas sem importancia para a trama e momentos épicos e encontros memoraveis. Os episódios, sem importancia, poderiam ser amarrados a trama e se revelarem importantes para o desenrolar da história.

Bom acho que é isso. Não tem nada de mais no que eu disse, foi só um aforma de protesto de um fã que gostaria de ser um pouquinho mais respeitado pelas editoras. Adoraria ver em ação uma pancadaria generalizada de heróis como em Guerra Civil , só que entre os dois universos. Até mais pessoal até a próxima.

P.S. Um bom confronto seria entre Dead Pool e Mercenário aquel vilão dos Titans. Os dois se parecem e tem um estilo semelhante. Um roterinho para a batalha seria os dois tem o mesmo alvo para matar. O alvo poderia ser outro personagem famoso para assim sair uma porradaria a três cada um por si!

P.S. O encontro entre Batman e Dr. Destino seria muito interessante pois poderiamos colocar Bruce Wayne invadindo o castelo do vilão, e no fim os dois saem no tapa e Batman e Dr.Destino descobrem que podem juntos impedir um cataclisma.

P.S. Seria Legal ver os lanterna Verde infrentando o Galactus que tenta comer Owa

P.S. Um jogo do confronto tambem seria bom com ambientes em 3d amplos, pancadarias on line, super combos e vários modos de luta com vários personagens ao mesmo tempo na tela.

P.S. Outro encontro legal poderia ser Batman e Homem de Ferro. Como os dois são bilionários sem poderes um encontro entre eles poderia render uma historia muito interessante.

VS Game! Super-Homem VS Hulk

Olá pessoal

No meu ultimo post desta sessão foi deixado um comentário de um leitor ( valeu por ter acessado Bruno!) sobre o combate entre Leonidas e Maximus el esugeriu de foram indireta um combate entre Super man e Hulk.
Talvez nosso amigo não saiba mas este combate já ocorreu a alguns anos atrás quando foi realizado o primeiro confronto entre DC e Marvel. Na mini série de 4 edições, os melhores combates foram no numero 3 onde Superman e Hulk se degladiaram no Grand Canyon. Foram umas quatro páginas de porrada. Não teve muita graça foi muito rápido assim como todas as batalhas. Na época o Hulk estava controlado e civilizado. O Superman, cabveludo, ganhou, com muito custo, depois de derrubar a montanha inteira na cabeça do gigante esmeralda.

http://images1.wikia.nocookie.net/marveldatabase/images/thumb/2/28/Marvel_Versus_DC_3.jpg/300px-Marvel_Versus_DC_3.jpg

Enfim vamos a nossa versão do combate. Nós adorariamos ver o combate de forma mais fiel aos quadrinhos. Vamos aos combatentes.

Superman é o super heróis mais iconografico, e talvez, masi poderoso do universo DC. Ele é super forte, super rápido, tem visão de raio-x, visão de calor, super sopro, invulnerabilidade e vôo. A invulnerabilidade do azulão faz com que feri-lo se torne uma terefa muito difíciul já que apenas oponentes tão ou mais fortes quanto ele conseguiram essa façanha. Tem um sentido de combate muito forte de anos de esperiencia, já enfrentou exercitos inteiros, monstros e robos gigantes, as mentes criminosas mais perigosas do universo, incluindo Lex Luthor e Darkside. Superman tambem é o senhor escoteiro, tem uma honra inabalável e é tudo aquilo que o esteriótipo de super-heroi pede. Mas nós raramente vimos ele usando toda a sua força.

http://www.supermantv.net/superman/comicbooks/new/superman-flying.jpg

Hulk é a fúria em pessoa. O melhor Hulk é o descontrolado por isso vamos contar que seja ele que enfrente o super. O gigante esmeralda, é super forte e invulnerável. Sua força permite que ele dê saltos que parecem vôos. Quanto mais nervoso ele fica, mais forte ele se torna. A fúria do Hulk o torna incrivelmente perigoso e imprevisível. Ele vai até dar mordida se o a coisa começar a ficar feia. Ferir Hulk é muito difícul pois ele possui uma das maiores invulnerabilidades conhecidas dos quadrinhos perdendo só para o Gladiador do Império Shiar.

http://www.zineacesso.com/wp-content/uploads/2008/02/hulk.jpg

Vamos ao combate. Nesse caso resolvi criar uma historinha pra justificar o motivo de eles sairem na porrada. Bruce Banner foi parar em Metrópolis devido a uma ruptura de espaço tempo desconhecida que o arrastou de seu laboratorio. Em Metrópolis ele esta tentando descobrir o que aconteceu quando por algum motivo besta qualquer ( sei la um sachê de catchup que estourou e esparramou o molho para todo o lado, um cachorro que mijou na perna dele, uma música do Calipso tocando na rádio, qualquer coisa que possa deixar uma pessoa nervosa, o importante é ele pirar) Ele se transforma em Hulk e começa a destruir a cidade.

http://www.doubleviking.com/dv_images/2008/05/06/superman.jpg http://www.odarainternet.com.br/supers/cinema/imagens/hulk-hq.jpg

É claro que o Super Man vai saber da bagunça e vai la para resolver. Ai o pau come. Super Man começa a achar que ele é apenas outro E.T. que caiu na Terra e resolveu destruir tudo. Mas logo ele percebe que Hulk é um adversário formidável. O gigante esmeralda poderia atacar com toda sua fúria jogando, carros, caminhões, prédios contra o super que estaria muito preocupado em salvara as pessoas e isso poderia ser uma desvantagem. O Hulk tem um certo senso que o impede de ferir qualquer um, mas isso só funciona umpouquinho pois quando ele se stressa memso o bicho pega. O escoteiro da DC poderia se aproveitar do vôo para manter uma distancia, mas logo perceberia que se ele não descesse la o Hulk iria busca-lo. A batalha seria incrível, os dois partiriam a cidade no meio. O Super Teria de usar toda sua força e o Hulk ia ficar cada vez mais nervoso. Seria literalmente uma briga de Titâs

http://sci-fi-guys.com/wp-content/uploads/HulkVsSuperman%20-%20half%20size.jpg

Bom a luta deles na série foi muito rápida e por isso eu acredito que ela deveria ser maior e mais bem trabalhada, afinal se trata de dois dos personagens mais famosos e poderosos dos quadrinhos. Aliás toda a série deveria ser melhor trabalhada. O final da batalha deveria ser impate para não desagradar os fãs dos dois lados. Dava para o super descobrir que era Bruce Banner nervoso e assim ele tentaria acalma-lo.

Enfim seria uma briga épica e sem precedentes. A luta da mini série não foi digna dos personages. Aliás aquela mini série só foi um caça níqueis escandaloso. A história era fraca, os combates foram sem motivações claras e muitas brigas foram tão rápidas que não tiveram a menor graça. Meu próximo post vai ser minha visão de um encontro entre as editoras aguardem…

P.S. adoraria ver o Super usando toda sua força.

P.S. O Hulk descontrolado é a melhor pedida pois ele não mediria esforços, se ele estivesse controlado iria querer ponderar sobre o assunto e ai toda a graça da porrada iria pro saco.

P.S. Nessa tal mini série tinha uns combates totalmente sem noção como por exemplo Tempestade dos X-men contra Mulher Maravilha. Nada contra a Tempestade mais combinaria mais a Miss Marvel pois ela possue poderes semelhantes aos da Amazona e faz parte dos Vingadores a maior super equipe do universo marvel assim como Mulher Maravilha faz parte do maior equipe da DC

P.S. O Combate do Lobo com o Wolverine foi tão corrido que nem foi mostrado. rolou todo at´ras de um balcão igual uma cena censurada de sexo.

P.S. Adorei essa foto e coloquei só pra descontrair, achei no Monkey News do Uol

http://n.i.uol.com.br/uolnews/monkeynewsilustrada_superman.jpg

P.S. Se tiverem uma ideia de confrontos mandem para nós através de comentários.

Guerra Civil (parte 2): A morte da lenda

Olá Nobres Amigos! A muito venho tentando escrever sobre os personagens principais da Guerra Civil como havia prometido. Para começar a galeria escolhi o Capitão América. Por que ele? Porque ele morre no final! Você deve estar me chamando de pdp por revelar esse spoiler, mas convenhamos num é novidade pra ninguém.

Um parentese rápido antes da Civil War. Nos EUA isso já aconteceu faz alguns meses. Lá foi até notícia nos jornais. Anunciada como crítica aos políticos de lá, já aqui no Brasil isso aconteceu mês passado meio sem alarde.

Vamo a Guerra. É preciso dizer que em toda a série o Capitão está em sua melhor forma. Logo no abrir da série ele foge espetacularmente do Aeroporta-aviões (sic) da Shield. Mas ao ler suas revistas que fizeram parte do mega evento é possível perceber um Steve Rogers cansado e questionando o sentido de tudo. Ele começa a duvidar se o povo americano que ele tanto ama o quer como símbolo da liberdade. Mas uma coisa é perceptível vários personagens prestam reverência ao combatente. Homem-Aranha, o Justiceiro (sendo que esse toma uma surra do Capitão e nem esboça reação), os políticos americanos e uma penca de pequenos heróis. Confesso que não percebi tal movimento ao ler do decorrer da série. Percebi após ler sobre a morte e fazer um balanço de tudo.

Um monte de momentos de angústia e quebra pau depois… (vou falar do final da Guerra Civil então para ler selecione o texto abaixo que ele aparece

Selecione para ler por que o que vem é spoiler dos brabos… Após várias mega batalhas o grupo liderado pelo Capitão vence. O Homem de Ferro está estirado no chão prestes a ter a cabeça arrancada do pescoço pelo escudo do bandeiroso. Mas algo acontece… a população se volta contra o Capitão e o impedem de matar seu oponente antes amigo. Ao perceber a reação do povo contra si resolve se entregar. Assim a Guerra foi vencida por quem perdeu. Quem venceu não ganhou. Nisto o Capitão é levado a julgamento, mas, na porta é atingido por três tiros morrendo no hospital.

O importante a ressaltar é que assim como a DC matou o Superman e foi um sucesso a Marvel conseguiu também sucesso com a morte de uma de suas maiores estrelas. É válido lembrar que o combatente estava perdendo o fôlego. A história dava sinais de cansaço já que Steve Rogers estaria completando este ano 91 anos! As motivações na Casa das Idéias só eles mesmo é quem sabem. Mas o que sabemos é que a escolha do Soldado Invernal (ele mesmo o Bucky Barnes, seu parceiro mirim que retornou dos mortos) como substituto vai agradar muita gente. Já que o personagem tem uma pegada mais agressiva que o bandeiroso.

É preciso esperar pra saber se Steve Rogers morreu mesmo ou é só uma maneira de vender revistas. O que se sabe é que o Capitão América continuará vivo seja na pele de quem seja.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.